Curso Técnico em Massoterapia no Senac em 2018



Senac recebe inscrições dos interessados em seu curso técnico em Massoterapia para o ano de 2018.

Já pensou em começar o próximo ano investindo em sua carreira profissional e aprendendo um novo ofício? Uma alternativa é se inscrever para os cursos do Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), um deles é o Técnico em Massoterapia, que é ideal para quem quer se qualificar e conquistar novas oportunidades de trabalho.

Os massoterapeutas vêm ganhando espaço no mercado devido ao aumento de doenças relacionadas ao estilo de vida atual. A especialização visa oferecer uma formação completa para que os alunos saiam preparados para prestar um atendimento de alta qualidade aos seus clientes.



Confira abaixo mais informações sobre o curso Técnico em Massoterapia oferecido pelo Senac!

Método do curso

O curso Técnico em Massoterapia tem carga horária de 1.200 horas e foi desenvolvido com base na análise e simulação de situações reais no cotidiano dessa profissão, sendo composto por atividades individuais e em grupo, além de trabalhar a leitura e discussão de textos, contando com o apoio de recursos audiovisuais.



Os alunos irão aprender os seguintes procedimentos:

  • Como organizar o ambiente para fazer a massagem;
  • Tratar das tarefas administrativas relacionadas aos serviços de massoterapia;
  • Avaliação das condições de saúde e estilo de vida do cliente;
  • Fazer avaliação energética do paciente;
  • Aplicar técnicas massoterapêuticas ocidentais para relaxar e estimular os músculos;
  • Aplicar técnicas massoterapêuticas para remodelar o corpo;
  • Aplicar técnicas massoterapêuticas de origem japonesa;
  • Aplicar técnicas massoterapêuticas em microssistemas;
  • Aplicar técnicas massoterapêuticas de origem chinesa;
  • Aplicar técnicas massoterapêuticas para estimular o sistema linfático;
  • Aplicar técnicas massoterapêuticas para prevenir contra lesões e recuperar músculos no esporte;
  • Como complementar a massagem com práticas integrativas e não invasivas;
  • Desenvolver ações que melhorem a saúde e bem-estar do cliente;
  • Prática integrada das competências e habilidades em massoterapia;
  • Construção do Projeto Integrador Técnico em Massoterapia.
Leia também:  Curso de Eletromagnetismo na Veduca - Grátis e Com Certificado

Para poder participar das aulas, o aluno deve comprar os materiais que são utilizados durante o processo de aprendizado. Na primeira aula, os estudantes serão orientados sobre os tipos de itens que precisam ser comprados.

Após terminar o curso e ser aprovado em todas as disciplinas, o Senac concederá ao aluno o diploma de Técnico em Massoterapia, que tem valor em todo o território nacional.

Como se inscrever

Para fazer a sua inscrição no curso de Massoterapia, os interessados devem acessar o site do Senac, selecionar essa especialização e clicar na unidade mais próxima a você e que esteja oferecendo-a.

Para se matricular, é preciso ir até a unidade da instituição com o seu CPF, documento de identificação com foto, comprovante de residência e comprovante de escolaridade. Para se inscrever nesse curso é necessário ter 18 anos de idade e ter concluído ou estar cursando pelo menos o segundo ano do ensino médio.

O valor do investimento do curso é de R$ 7.538,00, ficando por R$ 5.276,00 na promoção. Essa quantia pode ser parcelada em 12 vezes no cartão de crédito em prestações de R$ 439,72, ou em 21 vezes de R$ 251,27 no boleto bancário.

Mercado de trabalho para o massoterapeuta

Na atualidade, o massoterapeuta tem tido cada vez mais espaço no mercado de trabalho, o que ocorre por conta do aumento de patologias e problemas que estão relacionados ao estilo de vida moderno, e ao desenvolvimento de políticas e ações de saúde que se baseiam na visão e compreensão integral do ser humano. Conforme estudos realizados recentemente pelo Ministério da Saúde, tem ocorrido em crescimento das práticas integrativas na área da saúde, no cenário brasileiro.

Leia também:  Tecnólogo em Processos Gerenciais no ISAE

Esse aumento se deu principalmente quando foi desenvolvida a PNPIC (Política Nacional das Práticas Integrativas e Complementares), que foi incorporada ao SUS (Sistema Único de Saúde). Assim, o massoterapeuta pode trabalhar em diversos setores, desde em empresas privadas até e instituições públicas.

Por Simone Leal

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *