Cursos Técnicos no IFMS – 180 Vagas Abertas

  

As 180 oportunidades abertas são para as cidades de Naviraí, Jardim e Coxim.

Quem está em busca de uma profissionalização técnica, precisa saber que o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul, o IFMS, está com as inscrições abertas para um total de 180 vagas em cursos técnicos. As oportunidades são para as cidades de Naviraí, Jardim e Coxim.

Uma oferta para os cursos focados na Educação de Jovens e de Adultos, o Proeja, as áreas contempladas em Jardim são as de Suporte em Informática e para Edificações e Manutenção. Já para Naviraí, as aulas serão de Informática para Internet e Agricultura e, por fim, em Coxim, para Aquicultura.

Há alguns pré-requisitos para a participação dos candidatos. São eles: ter 18 anos completados até, pelo menos, a data de matrícula e possuir ensino fundamental completo. Quem for fazer o curso de Aquicultura, por outro lado, deverá ter o ensino médio completo.

Não há custo para as inscrições. Essas podem ser feitas pelo site do Instituto, no endereço eletrônico http://selecao.ifms.edu.br/login.




É fundamental ressaltar que metade das vagas disponibilizadas são reservadas para candidatos que tiverem cursado a escolaridade mínima que é exigida nos cursos em escolas públicas. Do total destinado, há as cotas para aqueles que comprovarem que a sua renda familiar bruta e mensal per capita é inferior ou igual a um salário mínimo e meio ou, ainda, para pessoas que se autodeclararem pardos, negros ou indígenas ou possuírem uma deficiência física.

O processo de seleção dos candidatos escolhidos será feito através de um sorteio eletrônico, com data marcada para acontecer no dia 10 de julho de 2017, juntamente à reitoria do IFMS. Já o resultado preliminar do mesmo, possui a previsão de ocorrer ainda no dia seguinte, em 11 de julho.

Sobre o IFMS

Implantado e com início no mês de outubro de 2007, sob a lei nº 1.534, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul faz parte de um programa de expansão relacionada à Rede Federal de Educação Profissional, Tecnológica e Científica do Ministério da Educação, o MEC. No total, a rede integra 38 institutos federais, 24 escolas técnicas com vínculo direto com universidades federais, dois centros federais para educação tecnológica, e muito mais.

Por Kellen Kunz




Post Comment