Cursos Gratuitos no IFSC em Joinville

  

Cursos oferecidos são nas áreas de mecânica, eletroeletrônica e enfermagem.

Já estão abertas 91 vagas disponibilizadas pelo IFSC (Instituto Federal de Santa Catarina). Os cursos são gratuitos, na cidade de Joinville. Existem várias oportunidades nas áreas de: mecânica, eletroeletrônica e enfermagem.

Inscrições

As inscrições estarão abertas até o dia 29 de junho para os cursos concomitantes e subsequentes gratuitos do Instituto Federal de Santa Catarina.

Uma novidade no processo é que a partir deste semestre será um sorteio que irá definir a seleção.

As inscrições poderão ser feitas online pela internet acessando o site: www.ifsc.edu.br. Porém para aqueles interessados e que porventura não tenham acesso à internet, poderão fazer as inscrições no próprio Campus, que fica no Bairro Costa e Silva, na Rua Pavão, nº1377.

No local haverá computadores disponíveis para que os candidatos acessem e façam suas inscrições.

Para o caso de ocorrerem mais inscritos do que propriamente vagas, a seleção para ingresso nos cursos irá dar-se por meio de sorteio público, na data de 05 de julho.

A divulgação dos selecionados será em 14 de julho na área de Resultados da IFSC.

Local




Para os cursos concomitantes em Mecânica e Eletroeletrônica e para o curso subsequente em Enfermagem as inscrições serão para o Campus Joinville e totalizarão 91 vagas.

Observação

Nos casos dos cursos técnicos concomitantes em Eletroeletrônica e Mecânica, o estudante fará o ensino técnico no IFSC (Instituto Federal de Santa Catarina), mas o ensino médio em outra instituição.

Se faz necessário que o aluno tenha concluído o primeiro ano do ensino médio até a data da matrícula, para que seja possível o ingresso nos cursos.

Por outro lado, para os cursos técnicos subsequentes em Enfermagem, estes são disponibilizados para quem já tiver concluído o Ensino Médio.

Possibilidade de reservas de vagas

O IFSC estará reservando 50% das vagas para os estudantes que fizeram todo o ensino fundamental em escolas públicas.

A metade dessas vagas será para candidatos os quais a renda familiar total seja “menor” ou igual a um salário mínimo e meio. A outra metade para aqueles cuja renda familiar total seja “maior” que um salário mínimo e meio.

Ainda há uma subdivisão com uma reserva de 37% para indígenas, pardos e pretos, além de pessoas com deficiência.

Por Silvano Andriotti




Post Comment