Curso Online Gratuito de Educação Financeira





Curso gratuito de Finanças Pessoais tem 5 mil vagas abertas e é ofertado pela Escola Nacional de Defesa do Consumidor:

Nesta época de crise, as dívidas aumentam e a renda diminui, e é vital aprender como economizar, saldar dívidas e aplicar bem o dinheiro recebido. Mas, essas tarefas podem ser complexas para muitas pessoas e aprender sobre o tema normalmente custa caro e é demorado. Entretanto, a Escola Nacional de Defesa do Consumidor está ofertando um curso gratuito e online sobre finanças pessoais para leigos. Isso mesmo, confira nos próximos parágrafos mais detalhes sobre o curso.

A Escola Nacional de Defesa do Consumidor, vinculada com o Ministério da Justiça, está oferecendo aproximadamente 5 mil vagas para um Curso Gratuito de Educação Financeira para os consumidores. Este curso não é presencial e sim online e as inscrições serão feitas somente pela Internet.

O curso se iniciará no dia 20 de junho e irá até o dia 10 de julho de 2017, de carga-horária de vinte horas ao todo.

As inscrições podem ser feitas até o dia 4 de junho, no Portal do Consumidor, e o aluno deve ter a idade mínima de dezesseis anos.





O curso do Programa de Educação Financeira para Consumidores ensinará aos cidadãos noções básicas de como não se endividar, como planejar o seu orçamento, cálculo de receitas e as despesas, como negociar as dívidas, como calcular os juros, entre outros temas correlatos. Após o aluno concluir o curso, será fornecido um certificado para quem responder a todos os questionários e tiver pelo menos cinquenta por cento de pontuação. O documento será certificado pela Universidade de Brasília em parceria com a Escola Nacional de Defesa do Consumidor, do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Para quem não conhece, a Escola Nacional de Defesa do Consumidor é uma instituição criada no ano de 2007 e visa promover a formação e capacitação técnica do pessoal pertencente ao Sistema Nacional de Defesa do Consumidor, bem como promove a construção do conhecimento na área de consumo e suas relações.

Em 2014 foi destinada uma verba de 3,5 milhões a Escola visando a melhoria dos serviços prestados e a expansão de sua atuação, bem como a sua modernização.

Não perca esta oportunidade, inscreva-se já!

Por Anneliese Gobbes Faria



Post Comment