Frutos do cerrado – metodologia científica – uca



     

Aproximadamente 480 minutos 4 atividades de 120 minutos cada uma.

Para realização desta aula, é necessário que já tenham sido trabalhadas com o aluno, atividades que envolvam o conhecimento sobre questões ambientais, relacionadas à flora brasileira. Consideramos importante que o aluno já possua noções básicas sobre  a utilização do tablet e dos programas KolourPaint,  Mozilla Firefox  e KWord do laptop Classmate do Projeto UCA

Investigar para aprender: um caminho consolidado na parceria

Professor, o trabalho pautado na Iniciação Científica com alunos do Ensino Fundamental, requer o conhecimento de algumas características básicas que constituem a base de uma Pesquisa. Sendo assim, destacamos o diálogo e os processos de comunicação em geral, com princípios norteadores das ações científicas, pois possibilitam a expressão autêntica do aluno, em suas curiosidades, dúvidas e necessidades.  Sendo assim, um Projeto pode ser organizado das mais variadas formas, porém, necessita abarcar os seguintes momentos:

  1. Definição do tema;
  2. Justificativa da escolha do tema;
  3. Definição dos objetivos;
  4. Elaboração das perguntas que serão pesquisadas;
  5. Levantamento das hipóteses, ou seja, ter clareza do que os alunos já conhecem e desconhecem sobre o assunto;
  6. Definição das fontes de pesquisas;
  7. Construção de um cronograma para realização das atividades;
  8. Execução das atividades previamente planejadas;
  9. Confrontação das hipóteses e das informações pesquisadas;
  10. Divulgação dos resultados/culminância do Projeto.

A flexibilidade e a dinamicidade são características essenciais de um Projeto, não sendo constituído por etapas rígidas e definidas a priori. Mas é organizado pelos sujeitos envolvidos no processo de investigação, sendo que todas as etapas são interdependentes e contam com a voz de todos que participam do Projeto. Neste sentido, o tempo para a realização de um Projeto dependerá do envolvimento da turma com o tema e da sua complexidade, podendo ser finalizado no final de um ano letivo, bem como em um tempo relativamente menor. A criatividade dos participantes necessita ser valorizada, pois a realização de uma Pesquisa demanda estar imbricado, a partir das constantes reflexões e dúvidas sobre o tema em estudo. Destacamos que o tema do Projeto aqui proposto é Flora Brasileira: diversidade e sustentabilidade o qual conta com um Subprojeto denominado Frutos do cerrado que será desenvolvido nesta aula.

1ª Atividade: aproximadamente 120 minutos.

Definição do tema: a vez e a voz dos alunos

Professor, a Definição do Tema do Projeto consiste em um primeiro momento de organização do Projeto de Iniciação Científica. O tema pode ser escolhido de variadas formas, podendo partir de uma sugestão do próprio professor, ou mesmo dos alunos. O que irá concretizar a escolha do tema são realmente o envolvimento e o interesse da turma como um todo com o mesmo.

Sugerimos que você organize a turma para uma roda de conversa e instigue a participação dos alunos dando suas opiniões sobre o que é um Projeto de Iniciação Científica. É importante que todos os alunos participem e se envolvam na atividade. Depois, explique para a turma que terão como desafio elaborar um Projeto para ser pesquisado e que terão oportunidade de vivenciarem um trabalho com experimentação e observação. Para instigar os alunos a participarem do Projeto aqui proposto é necessário promover um momento de sensibilização, utilizando para isso recursos diversos que possam despertar nos alunos o desejo de estudar tal temática.

Criando um canal de comunicação

Professor, atualmente os alunos contam com inúmeras possibilidades de comunicação, que são viabilizadas pelos recursos tecnológicos. Por isso, trazemos uma ideia inovadora de se construir um Blog com a turma, com o intuito de divulgar e até registrar as principais atividades, selecionadas pelos alunos, à toda comunidade escolar e também para outras pessoas que se interessarem pelo tema.

Desta forma, o conhecimento cumpre seu papel de socialização e os alunos poderão interagir com outros pesquisadores que também estão envolvidos com o estudo da temática Frutos do cerrado. Sendo assim convide a turma para criar um Blog, utilizando para isso, a atividade Vamos criar um Blog da turma, acessada no sítio do Portal do Professor: http://portaldoprofessor.mec.gov.br/fichaTecnicaAula.htmlaula=18391.

Com a atividade proposta acima, os alunos terão oportunidade de realizar passo a passo uma sequência de atividades que culminarão com a construção de um Blog. O mais importante é que os alunos percebam a função do Blog e a sua importância para o registro e divulgação do conhecimento. É importante também ressaltar, que os alunos deverão acompanhar as postagens no Blog de possíveis usuários, bem como responder e interagir com outras pessoas, com todo o acompanhamento e observação que você professor necessita desempenhar.

Iniciando nossas atividades de Pesquisa

Os alunos, de forma geral, têm em sua alimentação cotidiana ou mesmo já degustaram em algum momento da vida, algum tipo de fruta. Por isso, desenvolver um trabalho específico sobre as frutas de uma determinada região, possibilita tanto o conhecimento quanto a valorização de hábitos mais saudáveis que podem fazer parte do seu próprio dia a dia. Tal fato nos instiga a investir em ações pedagógicas que de fato aliem o interesse dos alunos e a aprendizagem dos conteúdos curriculares. Neste sentido, para o presente momento, sugerimos que você desperte a curiosidade e o desejo, dos educandos, em realizar um Projeto sobre frutos do cerrado. Para isso, inicie cantando com a turma a música O pato, geralmente, já conhecida pelos alunos. Porém, muitos não conhecem um elemento da música, ou seja, o que realmente fez o pato se engasgar. Desta forma, auxilie os alunos na leitura da letra da música, disponibilizando uma cópia para cada um.

O Pato

Vinicius de Moraes

Qüén! Qüen! Qüén! Qüen!
Qüén! Qüen! Qüén! Qüen!
Qüén! Qüen! Qüén! Qüen!
Qüén! Qüen! Qüén! Qüen!

Lá vem o Pato
Pata aqui, pata acolá
Lá vem o Pato
Para ver o que é que há…(2x)

O Pato pateta
Pintou o caneco
Surrou a galinha
Bateu no marreco
Pulou do poleiro
No pé do cavalo
Levou um coice
Criou um galo…

Comeu um pedaço
De jenipapo
Ficou engasgado
Com dor no papo
Caiu no poço
Quebrou a tigela
Tantas fez o moço
Que foi prá panela…

Quá! Quá! Quá! Quá Quá!
Quá! Quá! Quá! Quá Quá!
Quá! Quá! Quá! Quá Quá!

Lá vem o Pato
Pata aqui, pata acolá
Lá vem o Pato
Para ver o que é que há…(2x)

O Pato pateta
Pintou o caneco
Surrou a galinha
Bateu no marreco
Pulou do poleiro
No pé do cavalo
Levou um coice
Criou um galo…

Comeu um pedaço
De jenipapo
Ficou engasgado
Com dor no papo
Caiu no poço
Quebrou a tigela
Tantas fez o moço
Que foi prá panela…

Caiu no poço
Quebrou a tigela
Tantas fez o moço
Que foi prá panela…

Fonte: http://letras.terra.com.br/vinicius-de-moraes/86808/

Agora, problematize com a turma como seria o jenipapo, que o pato comeu e que o engasgou. Pergunte aos alunos se já experimentaram ou se conhecem o jenipapo. Agora, explique que o mesmo é uma fruta típica do cerrado e pergunte se teriam interesse em conhecer mais sobre a mesma e sobre outras frutas desta região.

Em seguida, solicite que os alunos acessem no laptop Classmate o programa Mozilla Firefox, a partir do caminho: Metasys gt; Aplicativos gt; Internet gt; Mozilla Firefox, ou no tablet, o sítio sugerido abaixo, para observarem imagens e descobrirem mais sobre o jenipapo.

Frutos

Fonte: http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/jenipapo/jenipapo.php. (Acesso 10/04/2012)

Tempestade de ideias: explorando o texto online

Professor, o trabalho com textos online em sala de aula, é um excelente recurso pedagógico, pois envolve imagem e texto, despertando o interesse dos alunos sobre o seu conteúdo. A atividade a ser realizada após a leitura pelos alunos é fundamental para consolidar os conhecimentos adquiridos a partir do seu conteúdo. Por isso, sugerimos que você organize uma roda de conversa com a turma e tenha como base as seguintes questões para permear o diálogo:

  • O que cada aluno achou do texto
  • Quem já conhecia o jenipapo
  • O que mais gostaram
  • O que gostariam de descobrir mais

Após todos participarem, é importante conversar com a turma sobre a importância de um estudo aprofundado das frutas do cerrado, para que possamos descobrir as vitaminas presentes nas frutas e contribuir para nossa saúde. Professor, observe atentamente as expressões orais e gestuais dos alunos, que se referem ao interesse ou não de estudar o tema.

Agora, converse sobre o que os alunos pensam de iniciarem um trabalho de Pesquisa para conhecerem mais sobre os frutos do cerrado. Neste momento, é importante ouvir cada aluno sobre o desejo de participar do Projeto.

Agora, elabore com a turma um Título para o Projeto. Você já deve ter percebido que um Projeto de Iniciação Científica está pautado no diálogo e na participação efetiva de todos os envolvidos no processo. Por isso, mobilize os alunos a propor algumas sugestões de títulos e faça a escolha, seja por votação, ou mesmo por um momento de diálogo.

Professor, juntamente com a turma, decida a melhor forma de organizar os registros do Projeto. Podendo o mesmo ficar registrado em um caderno específico para o Projeto, ou mesmo, ser estruturado em uma pasta catálogo, onde se guardariam cada folha do Projeto. Optando pelo caderno, solicite que os alunos construam uma capa que contenha os dados pessoais do aluno e os dados da escola e insiram o título escolhido. Os alunos poderão fazer um desenho inicial das frutas do cerrado que já conhecem, utilizando para isso o laptop Classmate, a partir do programa KolourPaint que poderá ser acessado pelo caminho: Metasys gt; Aplicativos gt; Aplicações Gráficas gt; KolourPaint ou o próprio tablet. Depois, é só imprimir cada desenho para que colem no local apropriado. Veja o exemplo a seguir:

Escola de Educação Básica da Universidade Federal de Uberlândia

Título do Projeto:

Frutos do cerrado

 

 

Imagem colada: feita pelo aluno no programa KolourPaint

 

 

 

Aluno:

Turma:

Professor:

Após terminarem a atividade, os alunos poderão apresentar a capa com o seu desenho e explicá-lo para o grupo. Escolhida a temática e o título do Projeto, elabore com os alunos uma Justificativa para o estudo dos frutos do cerrado. Neste momento, a turma deverá expor os motivos que a levaram a optar pela temática escolhida, bem como o porquê é importante e necessário o seu estudo.  O registro desta atividade poderá ser feito no caderno de Projeto. Para isso, auxilie os alunos a participarem da construção coletiva de um texto, expondo as suas ideias.

Professor, as etapas descritas acima, poderão compor o rol de publicações do Blog dos alunos. Para isso, auxilie os alunos a organizarem estas postagens, observando os possíveis erros na digitação, para garantir a qualidade da produção.

2ª Atividade: aproximadamente 120 minutos.

Professor, o Projeto de Iniciação Científica deve ser conduzido, por objetivos claros e definidos coletivamente pelos participantes da investigação. Por isso, organize a turma para uma roda de conversa e proponha um diálogo sobre o que querem aprender, desenvolver e compreender com o estudo dos frutos do cerrado. É importante explicar o que são objetivos, recorrendo a exemplos próximos ao cotidiano dos alunos. Depois, inicie o processo de construção dos objetivos com os alunos. Registre em uma cartolina em branco, os objetivos expressos pelos alunos e depois afixe em um mural da sala de aula. Os alunos deverão registrar no caderno do Projeto os objetivos construídos. Veja alguns exemplos abaixo:

Objetivos:

  • Descobrir as frutas típicas do cerrado;
  • Conhecer a importância das frutas para nossa alimentação;
  • Aprender a realizar uma Pesquisa;
  • Desenvolver o hábito do diálogo e da troca de ideias;
  • Refletir e construir ações para a preservação do meio ambiente.

Após a elaboração dos objetivos, é chegado o momento de construir com a turma as Problematizações que conduzirão o Projeto. Para isso, explique para os alunos que para fazermos uma Pesquisa, necessitamos de perguntas, dúvidas, a serem investigadas. Sendo assim, entregue uma folha de papel em branco para cada aluno e instigue-os a descobrir o que gostariam de saber sobre as frutas do cerrado. Para este momento, você poderá possibilitar que os alunos busquem informações na internet, revistas ou outras fontes de informação, ou mesmo incitá-los a fazer uma pergunta de cunho próprio, ou seja, partir da curiosidade que cada aluno já possua sobre o tema. É importante que os alunos compreendam que outras questões poderão surgir durante a realização do Projeto e que poderão ser incluídas na investigação, demonstrando a flexibilidade e dinamicidade que envolve a Pesquisa.

Exemplos:

  • Quais são as frutas típicas do cerrado
  • As frutas do cerrado são mais doces
  • As frutas do cerrado têm muitas vitaminas

Solicite que registrem no papel a dúvida e posteriormente leia para a turma. É importante que cada aluno elabore pelo menos uma questão. Você poderá agrupar as questões que tenham o mesmo teor de conteúdo. Depois, registre na lousa cada pergunta e o nome do aluno que a elaborou. Os alunos deverão copiar no caderno de Projeto esta etapa construída individualmente.

Professor, diante de cada pergunta elaborada pelos alunos, é importante instigá-los a pensarem sobre as Hipóteses que já possuem sobre a sua própria dúvida. Este movimento é fundamental para valorizar o conhecimento prévio do aluno sobre o tema. Por isso, solicite que cada um busque responder à questão elaborada por ele anteriormente, levantando uma hipótese, a qual será validada ou não no decorrer da Pesquisa. Como registro, sugerimos que os alunos anotem no caderno de Projeto a sua própria pergunta e a hipótese para a mesma. Faça um momento de socialização das ideias, em que cada aluno possa relatar para a turma a sua produção. Veja alguns exemplos a seguir:

Quais são as frutas típicas do cerrado

Hipótese: Banana, maçã e limão.

As frutas do cerrado são mais doces

Hipótese: As frutas do cerrado são mais docinhas.

As frutas do cerrado têm muitas vitaminas

Hipótese: As frutas do cerrado têm vitaminas importantes.

Após este momento de construção e registro das hipóteses, incite os alunos a pensarem sobre as diferentes Fontes em que podem buscar informações sobre o tema. Para isso, faça uma sondagem com a turma dos locais e dos materiais que já utilizam ou que gostariam de utilizar para buscar informações no dia a dia. Após este momento, solicite que cada aluno registre no caderno de Projeto as fontes sugeridas pelo grupo.

É importante ressaltar aqui, que em um trabalho de Iniciação Científica, torna-se condição primordial a busca de informações em diversas fontes, sendo que as mesmas devem ser citadas ao longo do trabalho e ao final, compor uma lista de Referências Bibliográficas, para facilitar a busca de materiais contidos no Projeto, que possam interessar a outras pessoas. Para a presente investigação, sugerimos as seguintes fontes de Pesquisa:

  • Jornais
  • Revistas
  • Internet
  • Imagens
  • Livros
  • Vídeos
  • Dicionário

Também ressaltamos algumas estratégias metodológicas que podem enriquecer o trabalho com a turma como:

  • Trabalho de campo
  • Entrevista
  • Palestras
  • Trabalhos individuais e em grupos
  • Experiências
  • Observações

Professor, um trabalho com uma proposta de Iniciação Científica, requer total envolvimento dos participantes, tanto na sua execução quanto na sua elaboração. Por isso, recorra às sugestões dos alunos para elaborar uma proposta de trabalho interdisciplinar a partir do Projeto. Para o presente tema Frutos do cerrado, sugerimos as seguintes possibilidades a serem exploradas nas mais diversificadas atividades que perpassam o Projeto:

Matemática: Explorar o tratamento da informação, recorrendo à organização de dados obtidos na investigação.

Português: Desenvolver um trabalho pautado na alfabetização dos alunos, com foco na escrita e na leitura, visando intervir nos momentos de trabalho de escrita espontânea e coletiva com a turma.

Geografia: Possibilitar uma gama de informações e o seu entendimento pelos alunos que envolvam, dentre outros aspectos, a preservação ambiental e o conhecimento das características da diversidade de flores.

Ciências Naturais: Facilitar a compreensão de como as flores participam do meio ambiente e se relacionam com os seres humanos e a natureza em geral.

Ética: Viabilizar metodologias de trabalho que concretizam vivências individuais e coletivas na construção do conhecimento, visando observar e trabalhar com as possíveis contradições e dificuldades de relações interpessoais.

Professor, agora, construa com a turma um Cronograma para a realização das atividades que permearão todo o Projeto. Este cronograma não consiste em algo estático e rígido, mas sim, participa de um processo flexível que dependerá fundamentalmente do percurso do próprio Projeto. A turma poderá propor entrevistas com diversos profissionais e trabalhos de campo que sejam possíveis de serem realizados, bem como outros momentos. Acreditamos que a organização de um cronograma conjunto com a turma facilita a vivência do aluno com o conhecimento da Pesquisa como um todo e facilita o envolvimento do educando na execução das atividades, as quais foram previamente planejadas com a sua participação. O cronograma também poderá ser registrado no caderno de Projeto, para que assim, os alunos possam acompanhar o desenvolvimento das atividades, assumindo uma responsabilidade de tornar exequível o curso da investigação.

3ª Atividade: aproximadamente 120 minutos.

Professor, uma ação fundamental a ser realizada em um trabalho científico, consiste em retomar com os alunos as atividades já desenvolvidas anteriormente com o intuito de que todos possam relembrar as etapas e a própria construção do Projeto. Por isso, sugerimos que você retome com a turma os processos consolidados até o presente momento: definição do tema, construção da justificativa e dos objetivos, bem como as fontes em que poderão buscar aprender mais sobre a temática e o cronograma organizado. Assim, você poderá ter uma noção de como começar o processo de Pesquisa e os recursos materiais necessários para realização da atividade.

Propomos inicialmente uma Pesquisa em alguns sítios, como o sugerido abaixo, para descobrirem um pouco mais sobre o bioma cerrado, com o intuito de conhecer esta região, tendo em vista suas características. Para isso, proponha aos alunos que utilizem o programa Mozilla Firefox do laptop Classmate, a partir do caminho: Metasys gt; Aplicativos gt; Internet gt; Mozilla Firefox ou o próprio tablet, e acessem o sítio a seguir:

Frutos  

Fonte: http://www.centraldocerrado.org.br/cerrado/. (Acesso 10/04/2012)

Após a leitura do texto online, possibilite um momento de diálogo com os alunos da turma, sobre o que descobriram sobre esta região e construa um cartaz coletivo, contendo aspectos destacados. O cartaz poderá compor o mural da sala de aula, para que possa ser visualizado pelos alunos durante o processo do Projeto.

Agora, chegou o momento de descobrirem alguns nomes de frutas que compõem o cerrado. Para isso, auxilie os alunos à utilizarem no laptop Classmate o programa Mozilla Firefox, a partir do caminho: Metasys gt; Aplicativos gt; Internet gt; Mozilla Firefox ou o próprio tablet, para acessarem os sítios a seguir:

Frutos  

Fonte: http://grep.globo.com/Globoreporter/0,19125,VGC0-2703-20236-3-329835,00.html. (Acesso 10/04/2012)

 

Frutos 

Fonte: http://www.fruticultura.iciag.ufu.br/fruteiras%20do%20cerrado.html. (Acesso 10/04/2012)

Exploração do texto online

Após a leitura dos textos online peça aos alunos para relatarem o que compreenderam. Instigue-os a lembrarem de alguns nomes de frutas típicas do cerrado e a falarem se conhecem ou se já comeram alguma delas. Depois, utilize uma cartolina para registrar os nomes das frutas que fizeram parte da Pesquisa. Afixe o cartaz no mural da sala de aula para todos possam ter acesso. Faça o seguinte registro no caderno de Projeto:

Que interessante! Hoje descobrimos o nome de diferentes frutas típicas do cerrado. Agora, escreva abaixo o nome de pelo menos quatro frutas que você conheceu e faça uma ilustração para cada uma.

Nome da fruta Meu desenho
 
 
 
 

                                                             
Quando todos terminarem a atividade, proponha um momento de troca de ideias, em que os alunos possam falar sobre suas produções.

Hum! Que delícia!

Professor, um Projeto sobre frutas requer, principalmente, conhecimento e a possibilidade de degustação dos alunos, para descobrirem os diferentes sabores e texturas das frutas. Por isso, sugerimos que você providencie, juntamente com os familiares, frutas típicas do cerrado, conhecidas ou não, para que possam experimentá-las e falar sobre os seus sabores. Após a degustação e do diálogo entre os alunos sobre o que acharam de cada sabor, proponha como registro, no caderno de Projeto, o preenchimento da seguinte tabela:

Hum! Que delícia! Hoje saboreamos diferentes frutas típicas do cerrado brasileiro e descobrimos muitas novidades. Veja o que aprendemos!

NOME DA FRUTA

DESENHO DA FRUTA

O SABOR QUE EU SENTI

Depois que todos terminarem os registros, viabilize um momento de troca de ideias e de externalização das sensações.

Agora, a turma deverá investigar as características das plantas típicas do cerrado que são responsáveis por dar os frutos estudados no Projeto até o presente momento. Para isso, sugerimos que os alunos utilizem no laptop Classmate o programa Mozilla Firefox, a partir do caminho: Metasys gt; Aplicativos gt; Internet gt; Mozilla Firefox ou o próprio tablet, para acessarem o sítio a seguir:

Frutos  

Fonte: http://www.centraldocerrado.org.br/categoria/frutos/. (Acesso 10/04/2012)

Após as descobertas, sugerimos que você organize os alunos em grupos de quatro ou cinco elementos e proponha como desafio que cada grupo escolha uma fruta, para aprofundar a Pesquisa especificamente sobre ela, tendo em vista os seguintes aspectos:

  • Características gerais da planta que fornece tal fruta;
  • Características da própria fruta;
  • Vitaminas encontradas na fruta;
  • Importância da fruta pesquisada para o ser humano;
  • Forma de plantio e cuidados necessários.

Depois que os grupos realizarem a Pesquisa, podendo recorrer à internet, ou aos materiais disponíveis na biblioteca da escola, peça que elaborem um cartaz contendo todas as informações, inclusive um desenho, o mais elaborado possível, da estrutura da planta investigada. Os alunos poderão apresentar para a turma e para os outros alunos da escola. Ao final, deverão afixar os cartazes no mural da escola para que toda a comunidade escolar tenha acesso.

Professor, as atividades que poderão compor o Blog deverão ser escolhidas conjuntamente com a turma. É importante criar no Blog, uma forma de divulgação dos sítios pesquisados pela turma durante todo o percurso da investigação.

Uma criação em família

Professor, como culminância do Projeto, lance um desafio para a turma. Distribua entre os alunos, algumas frutas por eles já estudas no Projeto, em quantidade suficiente para fazer algum tipo de receita, seja geleia, bolo, doce ou outra sugestão. A ideia é que cada aluno, juntamente com seus familiares, possam criar uma receita prática, utilizando a fruta recebida. Para isso, redija um bilhete contendo todas as informações necessárias para orientar a família e o aluno para realizarem a atividade. Solicite que cada aluno escreva a receita, com o apoio de seus familiares e leve para a sala de aula. Organize um momento na escola para que os familiares e os alunos, possam se reunir para contar como criaram a receita, o que utilizaram e o que significou este momento, bem como para degustarem. Aproveite para registrar por meio de fotos e filmagem este momento para compor o acervo do Projeto da turma.

Depois, organize um livro com as receitas criadas e disponibilize uma cópia pra ficar na biblioteca da escola e outra para ficar online no sítio da escola. No livro, é importante construir com a turma a capa, escolhendo um título, e em cada receita é interessante colocar o nome do aluno e dos familiares que contribuíram. Logo abaixo de cada receita, sugerimos o aluno faça um desenho representando como a receita foi executada e a imagem final do que foi criado.

Professor, um importante recurso pode ser utilizado como proposta metodológica, o qual consiste em produzir um vídeo com os alunos contendo o momento de fazer as receitas com seus familiares. O mesmo poderá ser disponibilizado na web por meio do http://www.youtube.com/portaldoprofessor. Veja como proceder à publicação do vídeo diretamente pelo sítio. Depois de pronto, assista com a turma e divulgue para a comunidade escolar.

4ª Atividade: aproximadamente 120 minutos.

Professor, nesta etapa do trabalho de Pesquisa, é fundamental retomar as hipóteses dos alunos às questões que permearam a investigação. O objetivo principal deste momento é possibilitar que o aluno descubra o que mudou em relação ao seu saber sobre a temática no início do Projeto até o momento atual de conclusão do mesmo. Sendo assim, possibilite um momento de diálogo com o grupo de alunos, para que cada um possa expor a sua hipótese inicial e o que mudou após a realização da Pesquisa.

Agora, proponha à turma um momento de avaliação individual do trabalho realizado, visando perceber, dentre outros, os seguintes aspectos:

  • Conhecimento do tema estudado;
  • Empenho e dedicação nos variados momentos da Pesquisa;
  • Participação nas atividades propostas;
  • Compreensão de um processo de Pesquisa.

Cada aluno poderá realizar sua autoavaliação por escrito, utilizando para isso o próprio caderno de Projeto. Após todos terminarem a atividade, proponha que exponham para a turma o significou para cada um a vivência e as variadas experiências com a Iniciação Científica na escola.


Fonte: Portal do Professor



Post Comment